Faltou sal a O sal da terra

O documentário sobre Sebastião Salgado assinado por Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado (filho do fotógrafo) é, no mínimo, frustrante. Todo documentário centrado num personagem, se não quiser ser um mero registro chapa-branca, deve buscar contradições, tensões. Em O sal da terra, os diretores apenas seguram a câmera para o fotógrafo construir diante dela sua autoimagem edificante.