Saint Laurent e a subversão da biografia

A expressão "cinebiografia" deve ser deixada de lado diante de um filme como o extraordinário Saint Laurent, de Bertrand Bonello. O estilista francês Yves Saint Laurent aparece, antes de tudo, como catalisador de uma série de ideias que interessam ao cineasta: as relações entre arte e comércio, entre impulso erótico e trabalho criativo, entre a tradição cultural europeia e a energia pop, entre esplendor e decadência.